Mantidos reajuste de Auxílio Moradia e Auxílio Alimentação na PMDF e CMDF

No dia 20 de Fevereiro de 2014 eu escrevi o seguinte texto abaixo, após a revolta que se instalou na PMDF, em decorrência de uma reunião onde praças e oficiais disputavam força na praça do Buriti. O reescrevo para compreendermos que em política não existe emoção. Precisamos ser racionais. Da mesma forma que me silenciei três dias naquele período, tenho me silenciado diante da campanha de difamação que “ex-discípulos” tentam levar a frente. Na vida optei ser uma REPRESENTAÇÃO POLÍTICA e não uma OPOSIÇÃO INSANA.  Na política, assim como nosso serviço na rua, não temos tempo para ser dominados por nossas emoções. Temos que fazer o que precisa ser feito para que a missão planejada seja cumprida.

63676_306412089478090_884975348_n

Bom dia! Durante três dias optei em ficar em silêncio para analisar melhor toda a situação que vivemos nos últimos dias. Vi todos os cabos e soldados fazerem a “catarse” necessária para aliviar sua indignação nas redes sociais. Vi tristeza e revolta.

Acredito que palavras de revolta geram pensamentos de revolta, que por suas vez geram sentimentos e ações de revolta, resultando sempre em resultados de revolta, que normalmente são desastrosos. Ontem também vi amigos do NCP sendo transferidos e outros tensos, pois não não conheciam a “mão pesada” do sistema. 

Vejo que é hora de cautela, hoje de reflexão. A questão do reajuste tornou-se questão do passado, já foi definida. Não existe mais o “se” ou o “por que”. Precisamos aceitá-la, mesmo que não concordemos com a forma que foi encerrada. Precisamos olhar para frente. Pelo menos ainda existe a possibilidade de uma reestruturação.

Os valores não foram os ideias, mas foram, de certa forma, um avanço, agora precisamos garantir fluidez em nossa carreira. Quem sabe um dia não poderemos chegar a 15 anos na classe especial da carreira? Ou reduzir esse tempo de maneira que a maioria chegue mais próximo dos salários que foram “melhorados”. Os interesses são diversos em nosso meio, não podemos agir simplesmente por emoção, não podemos entrar no jogo separatista do “ou está do meu lado” ou “está contra mim”. Precisamos avançar sempre. O maior crescimento foi nossa organização e nossa maturidade política que está chegando a cada dia.

A luta por melhoria é constante. A mobilização é permanente. Aprendemos isso! Ainda temos muito o que fazer no futuro. A luta por isonomia pode sair do macro e voltar para o micro, mas ela só é possível com a alteração em âmbito federal: Isonomia no “auxílio-fardamento, Isonomia no “auxílio-creche”, Isonomia no “auxílio-natalidade”, Isonomia no “auxílio-moradia”. Tudo isso pode ser o nosso foco para os próximos anos. A luta é constante! Vamos em frente! De cabeça erguida, como sempre estivemos nas batalhas que enfrentamos.

Paciência e fé, eis o segredo do sucesso!

Por decisão unânime na tarde de ontem (23), os desembargadores do Tribunal de Justiça do Distrito Federal decidiram pelo indeferimento da liminar do MP que impedia a aplicação dos Decretos que concederão o reajuste dos Auxílios Moradia e Alimentação das corporações da Polícia Militar e Bombeiros Militares do DF.

Aux_lio_Moradia_e_Alimenta_o

Poucos pararam para ver o ganho real com os auxílios alimentação e moradia. Nenhum deles incide sobre o IMPOSTO DE RENDA. Nenhum deles incide sobre PENSÃO ALIMENTÍCIA. Mesmo que em um primeiro momento pareça que os inativos estejam perdendo. As conquistas são graduais e sucessivas. Temos que olhar o copo sempre meio cheio e nunca meio vazio. Nos últimos anos fomos a única categoria que ganhou todas as batalhas que enfrentou. Não estou dizendo que tem sido fácil ou que o governo foi bonzinho. Estou dizendo que devemos VALORIZAR NOSSAS CONQUISTAS.  Aos poucos estamos chegando próximo do nosso desejo, ou seja: A ISONOMIA SALARIAL NA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Política

6 Respostas para “Mantidos reajuste de Auxílio Moradia e Auxílio Alimentação na PMDF e CMDF

  1. Leandro

    Amigo Aderivaldo..
    Uma ressalva, que faço questão de destacar: não quero ganhar como um policial civil!! Se for para ganhar como ele, que eu seja como ele..
    Na condição de policial militar, e por fazer muito mais que um policial civil – e mais que qualquer outra categoria profissional – quero ganhar mais que um policial civil. Faço muito mais e o dia-a-dia me mostra isso..
    Com as devidas considerações e críticas à minha manifestação, tenha certeza que entendeu o que quero dizer.
    Abraços..

    Curtir

  2. Cezar Mariano

    JB, 29/07/2014
    “Tramita na Câmara o Projeto de Lei 6632/13, do Dep. Willian Dib, que exige curso superior para ingresso na PM e corpo de Bombeiros.. O texto exige ainda curso de Direito para entrar no Quadro de Oficiais dessas Instituições. O Projeto tramita em caráter conclusivo em algumas Comissões”. È necessário barrar esse Projeto o mais rápido possível, pois isso é uma artimanha dos Oficiais para bloquear o Plano de Carreira dos Praças..Com a exigência do curso de Direito para ser Oficial, praticamente acaba-se com o sonho do Plano de Carreira, pois, o praça não tem tempo para realizar mais cursos superiores.

    Curtir

  3. Ola gostaria de saber como esta estes aumentos que ia sair por exemplo auxilio de noradia para o pesoal inativo que vai sair nada porque inativos nao tem direito a nada mesmo parece que pm quando aposenta morre perde tudo.

    Curtir

  4. DAVI PEREIRA ALVES

    Tramita no Congresso Nacional e já passou na CCJ a PEC nº 445 que determina a proporcionalidade do salário do PC em 80% do salário do Delegado, o qual hoje tem que fazer concurso público com provas objetiva, subjetiva e oral, além de 03 anos de prática jurídica. Já os delegados têm a PEC 443 que já passou em dois turnos no Congresso, a qual os coloca como carreira jurídica no Art. 37 da CF/88 para ganharem 90% dos subsídios dos salários dos ministros do STF. Em resumo: se ambas passarem, o subsídio de final de carreira de um PC (agente nível especial, por exemplo) deve chegar ao bruto de 24.500,00 e de um delegado final de carreira a mais ou menos 33.600,00. Também tramita no Congresso um PL que reconhece a Carreira Policial Civil do DF (EPAs) como de nível superior (não apenas para ingresso nos quadros, como determinou a Lei 9263/95). A PCDF é polícia judiciária, investigativa e por decisão do STF também pode fazer policiamento ostensivo e operações especiais. O quadro do efetivo está defasado em mais de 4.500 policiais, portanto um policial civil vem trabalhando por 03 ou 04. Achar que a PMDF trabalha mais só porque faz policiamento ostensivo (polícia “a priori” administrativa, conforme reza a CF/88) é no mínimo uma ignorância jurídica e uma falta de conhecimento da realidade. Sabe-se que a PMDF também está defasada em seus quadros de servidores. Ninguém é melhor do que ninguém. A bem da verdade, caso a PMDF também consiga transformar seus soldos em subsídio e consigam provas que seus trabalhos são de nível superior (não apenas para ingresso nos quadros funcionais), também poderão pedir para entrar no Art. 37 da CF/88 como “carreira jurídica” e então poderão pleitear isonomia salarial com a PMDF. As associações da PMDF têm que trabalhar para alcançar soldos e gratificações mais elevados e a grande verdade é que todos, tanto PMs como PCs, deveriam ganhar bem e não a PMDF continuar com essa rivalidade unilateral como vem defendendo até hoje. Em momentos de recessão nacional, a tônica é unir forças e não dispersar!

    Curtir

  5. João Batista

    Voce,esta confundindo as coisas,voce trabalha com a força ja a Polícia Civíl com a inteligencia.Deixe de falar besteira e vá estudar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s