E se o reajuste fosse em duas parcelas?

Prefiro uma dura verdade a uma doce mentira! O desafio do verdadeiro líder está em falar “o que o povo precisa ouvir” e NÃO “o que o povo deseja ouvir.” Eis o desafio!

Um ponto importante para nossa tomada de decisão amanhã é compreendermos que nossa carreira vai até subtenente. A comparação deve ser se haverá ou não avanço dentro dela. Hoje temos aproximadamente 8 mil subtenentes e sargentos, 3 mil cabos e mil soldados. Isso também precisa ser analisado, dentro de uma visão de coletividade. Em 2016 grande parte dos soldados serão cabos e uma parte dos cabos serão sargentos. Um ponto positivo é que o reajuste a partir de subtenente faz com que diminua as perdas ao irmos para a reserva, já os pontos negativos são os prazos e valores diferenciados. Creio que seja uma questão de ajustes. Já vemos reações contrárias de vários setores. Recusar a proposta amanhã talvez seja um favor para o governo. Precisamos ter sabedoria e visão estratégica. Precisamos deixar de ser o “objeto” de estudo para passarmos a ser os “observadores”. A análise precisa ser fria, sem paixões. O momento é de razão, não de emoção. Precisamos ter maturidade neste momento. O caos não interessa a nenhuma das partes neste momento!

Concordo com o Poliglota:

Acho que o importante é garantir que o aumento venha em apenas duas parcelas, sendo a primeira para antes da copa; Não diferenciação de Policiais com dependentes e sem dependentes; concentração do aumento no auxílio moradia para garantir que inativos sejam beneficiados; Garantia de que se a PC receber novo reajuste nos próximos anos, este seja estendido aos militares e garantia de envio da reestruturação ainda este ano. Acho que é improdutivo esse discurso de que Oficial ganha mais que praça etc… o importante é equiparar os valores da PM com a PC, Delegados/Oficiais e Agentes/Praças.

isonomia salarial do FACEBOOK

Anúncios

9 Comentários

Arquivado em Reflexão

9 Respostas para “E se o reajuste fosse em duas parcelas?

  1. leandro

    Discordo dessa visao “melhor pingar do que faltar”. Entendo ser mediocre esse tipo de pensamento.
    Ao mesmo tempo que devemos entender que a carrreira do praça vai ate subtenente, entendo que a outra classe policial millitar nao deve ou pelo menos nao deveria “olhar apenas para o proprio umbigo” em detrimento do esforço dos praças.
    Ainda, se concorda com a visao do Poliglota, esquece-se que o mesmo ja e oficial sendo beneficiado muito bem com tal infame proposta do gdf. Alem disso, no comentario do tenente poliglota ele cita isonomia entre oficiais/delegados e praças/agentes, no entanto na minha ignorante sabedoria nao sei de nenhum agente pcdf iniciando sua ESTRUTURADA CARREIRA ganhando menos de 7mil reais, alias, se nao me engano passaram para mais de 8mil. Enquanto isso, os oficiais sim, assim como o poliglota, com essa proposta ridicula passarao a ter isonomia com os delegados.
    Devemos parar de ser massa de manobra para o governo, oficiais e ate para a socidade

    Curtir

    • Aderivaldo Cardoso

      Entendo! Qual a solução viável para solucionar o problema?

      Curtir

      • rutinéia

        Oh!! companheiro pensemos um pouco… a solução é aumento linear…
        diferença salarial já existe, e grande, entre oficiais e praças, e digo mais até mesmo entre cabos e sargentos… não conheço nenhuma carreira que a diferença salarial entre o topo e a base ultrapasse 4x como é a nossa cel R$16.000 e sd 4000. e isso sem contar as gratificações de comando, agfis, etc…
        chega de aumento escalonado queremos um aumento linear.
        e tem mais nós lutamos, nos empenhamos para eles levarem a maior parte do bolo? isso é justo? assim é fácil

        Curtir

      • Aderivaldo Cardoso

        Entendo a questão do reajuste linear, mas ele é possível? Sugiro a leitura da lei 10.486/02 para sanear as dúvidas.

        Curtir

      • Felipe SD

        Eu sei que infelizmente os praças ralam e os oficiais levam as glorias, mas no fim deixando de lado essa picuinha, acredito que se não fizer distinção entre “com” e “sem” dependentes já teríamos uma isonomia, uma vez que o soldado receberia liquido 6.500,00 o mesmo que um PC início de carreira, agora se o SD n tiver dependentes doi no bolso mais de 700 reais. Ademais concordo com o ST. Pato e o Poliglota no que tange ao alinhamento ligado a PCDF, isso faria com que não fossemos esquecidos como fomos, ou tb colocaríamos a reposição da inflação no período de tempo que a proposta vigorar, para que a inflação não coma este aumento.

        Curtir

      • A Solução é ISONOMIA REAL até no máximo ano que vem. Simples assim!

        Curtir

  2. Cb tb prejudicado

    Ola companheiro Aderivaldo nao sei se e a soluçao, no entanto acho que o grande problema e nunca realmente sabermos quando seremos promovidos por isso creio eu que temos tantos reclamantes a respeito dessa proposta. Em tempo gosto dessa sugestao citada acima como do poliglota, mas como todos sabemos o oficial flui na carreira de uma maneira ou de outra ja o praça … agora, se tanto debatemos equiparaçao claro q as praças com agentes e oficiais com delegados, sendo assim eles deverao receber mais no escalonamento isso e fato apenas lembrando a fluidez de carreira deles que e muito melhor que a nossa. Um grande abraço

    Curtir

  3. solução Simples. Encaminhar pra ontem o Plano de Reestruturação do Patrício ao governo Federal. Após a iniciativa será conosco a briga….

    Curtir

  4. cms

    Bom dia….
    Bem no que tange a nossa carreira ela é prevista até o posto de ST, mas todos somos sabedores para que todos cheguem até lá deveria haver uma mudança no mecanismo de promoção o qual deveria ocorrer independente de vagas, o que não existe hoje.
    Agora quanto a proposta até concordo com você que devemos analisa-la, com um senso mais crítico, porém de forma mais isonômica possível aqui dentro.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s