Mais uma vez seremos usados como “cachorros” ferozes de um governo desesperado

As redes sociais são interessantes para revelar nossos pontos fortes e fracos! Nelas liberamos nosso subconsciente. Diariamente defendo uma mudança cultural em nosso meio. Normalmente não percebemos, mas temos muito o que melhorar. Ontem recebi uma mensagem de um amigo que me fez refletir bastante. Culpamos a mídia, culpamos a sociedade, culpamos os bandidos, dentre vários outros. Mas e a nossa autoanálise? A nossa autocrítica?

Uma vez li um livro que contava a história de BOB, ele era uma pessoa que tinha problema com todo mundo e vivia reclamando. No final da história descobre-se que o problema era o próprio BOB. Precisamos refletir sobre isso.

Ouço todos dizendo que quem não gosta da polícia é bandido. Será? A reflexão deveria ser outra: Por que tantas pessoas não gostam da polícia? Por que existem tantas críticas com relação a atuação policial? Por que tantas pessoas falam que somos despreparados? Somos bons profissionais? Prestamos um bom serviço?

Após um debate em minha página pessoal no face, recebi uma mensagem de um amigo que me fez refletir:

Deri, como você está, meu amigo?

Cara, estou preocupado com a péssima capacidade de argumentação dos policiais militares. Pelo menos daqueles que têm participado das discussões que você propõe por meio das publicações feitas no seu Facebook.

São todos arbitrários, truculentos, sem capacidade de organizar o pensamento. São, ao que me parece, incultos mesmo. Todos falam do “poder de polícia”, mas acho que eles não sabem bem o que ele é realmente.

Definitivamente, os nossos PMs não entenderam o que foram as manifestações de junho.

Uma pena que eles vejam as coisas somente pelo lado “mocinho x bandido”. A polícia não tem outra visão? É estarrecedor, meu caro!

Vamos trabalhar pela desmilitarização da polícia e por uma melhor formação, sobretudo na gestão da informação (inteligência) e, mais importante, da observância aos direitos humanos.

Grande abraço, meu camarada!

 Forum-125_capinha (1)

Precisamos aprender com os nossos erros. A crise que estamos passando é uma oportunidade para avançarmos! Vejo com preocupação o que está acontecendo no DF. A prisão para “averiguação” foi uma artimanha utilizada em tempos de ditadura, onde vários jovens “desapareceram”. É preocupante um comandante-geral legitimar a fala de um oficial que disse: “porque quis”, confundindo isso com a “discricionariedade policial”. O ponto aqui não é a defesa do colega, como policial ela está corretíssima, mas sim o que está por trás de tudo isso. Pois agora o secretário legitima o comandante, que também é legitimado pelo governador. No final, nenhuma dessas autoridades estão de fato “protegendo” o capitão. Estão defendendo o próprio “umbigo”. O governo não sabe como segurar as manifestações, o único meio está sendo a força e a arbitrariedade. Mais uma vez seremos usados como “cachorros” ferozes de um governo desesperado. Alguns estão rindo a toa com tudo isso! Vejam a visão da mídia com relação a Polícia Militar do DF:

20130910084745275963eFoto: Correio Braziliense

Fecho o texto de hoje com a reflexão de um amigo do Face:

“Tudo leva a crer que nesta quinta-feira os mensaleiros desferirão o golpe final na regularidade institucional deste país. Neste contexto, o “porque eu quis” do Capitão do Choque não interfere em nada na vida dos mais de 200 milhões de brasileiros. Entretanto, a corrupção e a impunidade continuam e continuarão a ceifar milhares de vidas no pais mais violento do planeta. Enquanto conclama-se um manifesto contra o jovem capitão, amanhã o STF enterrará para sempre o princípio de que no Brasil a lei vale para todos. Daí, fica a pergunta: de que lado vc está?”

Saiba mais:

https://aderivaldo23.wordpress.com/2013/09/10/uma-policia-violenta-e-reflexo-de-um-governo-violento/

http://edsonsombra.com.br/post/no-dia-7a-missao-da-pmdf-era-mesmo-cacar-reporteres

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s