Lançamento de bases comunitárias móveis no DF

Em junho de 2011 levantamos alguns pontos interessantes sobre o tema policiamento comunitário, visando o aperfeiçoamento do sistema de segurança pública, muito do que foi levantando aqui foi colocado em prática. Aqui também falamos sobre as “bases fixas”, ultrapassadas de São Paulo, e que a tendência era termos “bases móveis” no DF. Amanhã nossas “previsões” serão confirmadas com o lançamento de “Bases comunitárias móveis”, o mesmo nome utilizado em São Paulo. Em janeiro de 2013 voltamos a discutir o tema.  Estamos “migrando” mais uma vez dos “postos fixos” para as viaturas (BASES MÓVEIS). Para compreendermos o DF e se tais experiências darão certo uma boa referência são os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. A próxima tendência é acompanhar as polícias de “Pernambuco e Ceará”. Aguardar para ver. Espero que em breve possamos discutir o POP – POLICIAMENTO ORIENTADO PARA O PROBLEMA.
A ideia é boa. Não podem esquecer que devem esquecer que postos fixos e móveis são complementares, pois segurança pública se faz com a redução dos espaços de atuação dos criminosos…
viaturas
 
“É clássico em Brasília vivermos a alternância entre postos policiais e policiamento motorizado. Quando o posto policial demonstra suas deficiências sugerem-se a troca pelas viaturas e quando o serviço motorizado não resolve os problemas de segurança pública sugerem-se postos fixos. Fazendo uma analogia com outros Estados da Federação, é possível que em breve façam semelhante a São Paulo, onde fazem um mix dos dois. Não será surpresa se colocarem “postos móveis” como a solução de nossos problemas. Resta ver se solucionará os nossos dilemas. Não focamos em descobrir as causas de nossos problemas, por meio de diagnósticos confiáveis, e as possíveis soluções. Isso exige estudos, exige tempo, exige trabalho, acima de tudo exige qualificação profissional, exige profissionalismo.”
(Postado em 21/01/2013)
postos-comunitc3a1riosimages
 
 
 
Bases comunitárias móveis

30/04/2013 18:10:00

Centro de Comunicação Social

O governador Agnelo Queiroz entregará, nesta quinta-feira, 2 de maio, 15 bases comunitárias móveis para a Polícia Militar. A solenidade será no batalhão de Samambaia, às 10h da manhã. O planejamento da PMDF prevê mais 41 unidades, com previsão de entrega até o fim de junho. De acordo com o Comandante-geral da PMDF, coronel Suamy Santana, o emprego dessas unidades dará mais agilidade ao policiamento. “ Vamos aumentar o alcance do serviço policial atendendo a população de forma mais rápida, mantendo a sensação de segurança”, destaca o comandante Suamy.

A base móvel é composta por uma Van equipada com computadores, uma viatura e duas motos. Cada base contará com a presença de oito policiais que farão o policiamento no setor onde ela será instalada. A idéia é complementar as atividades dos postos comunitários. As bases ficarão em pontos estratégicos onde há maior movimento e concentração de pessoas. O atendimento à população será feito diuturnamente. 

As primeiras unidades irão reforçar o policiamento na Asa Sul, Samambaia, Núcleo Bandeirante, Planaltina, Paranoá, Varjão, Santa Maria, Sudoeste e Gama. As bases móveis também serão empregadas nos grandes eventos que ocorrem em todo o Distrito Federal e sempre contam com a participação da Polícia Militar.

Fonte: http://www.pmdf.df.gov.br/?pag=noticia&txtCodigo=16250

Saiba mais:

Policiamento Inteligente

Minidelegacias no DF

Desafio aos candidatos

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em desmilitarização das polícias, polícia militar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s