Projeto Cidades Inteligentes é implantado na RMC

Publicado em 02/7/12 • Categoria – Economia,Meio Ambiente,Tecnologia

Foto: Rocon & Graça Comunicações – Cidades Inteligentes-Deise Nascimento, Miguel Rodrigues e Davi Carvalho Silva Jr –
Por: Juliana Ferreira

As cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) receberá, pela primeira vez no Brasil, o projeto Cidades Inteligentes. Voltado para o desenvolvimento sustável, o programa já foi implantado em cidades internacionais como Londres, Nova York, Amsterdã, Moçambique, Portugal, Arábia Saudita e Iraque.

O convênio para a implantação do projeto e início dos estudos foi assinado na sede do CIESP-Campinas, entre as empresas Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação (Facti), Living PlanIT, empresa europeia de tecnologia, e o Instituto Árvore da Vida.

Com o objetivo de utilizar a tecnologia avançada para otimizar o uso dos recursos públicos e as soluções para os problemas enfrentados pelas cidades, as empresas pretendem apresentar um diagnóstico das prioridades e problemas da região em até quatro meses.

De acordo com a LivingPlanIT, a escolha da RMC se deu pela presença do polo tecnológico, das universidades, centros de pesquisas e pelos índices econômicos e sociais. Entre os itens que serão analisados estão recursos naturais/ meio ambiente, tratamento de resíduos urbanos, saúde, educação, moradia, mobilidade urbana, modernização da administração pública, entre outras.

Traduzido do inglês, Smart Cities, o programa Cidades Inteligentes  tem a proposta de ajudar no desenvolvimento sustentável de cidades e grandes área urbanas. Na prática, uma central de monitoramento é criada com dados que são atualizados pelos gestores públicos e especialistas das entidades responsáveis.

Os dados da rede de monitoramento podem ser acessados pela população através do celular, computador, tablet, notebook, etc, podendo buscar informações, por exemplo, da contingência populacional, áreas invadidas, demanda por serviços de segurança, saneamento, falta de energia elétrica, situação nos hospitais, congestionamento de trânsito, etc.

Fonte: http://www.mcjeditora.com.br/portal/2012/07/projeto-cidades-inteligentes-e-implantado-na-rmc/

Uma cidade inteligente pode ser definida como uma comunidade que faz um esforço consciente para usar a tecnologia da informação no intuito de transformar e otimizar o cotidiano. Possui internet banda larga ampla para empresas e residências, alto nível de inclusão digital, inovação pulsante, transporte integrado, baixo desperdício de energia e muita informação disponível para a população. Muito mais do que um ambiente dotado de tecnologia, essas cidades precisam de pessoas capazes de pensar diferente, sempre naquilo que é novo e pode modificar, para melhor, aspectos da vida moderna.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em policiamento inteligente

Uma resposta para “Projeto Cidades Inteligentes é implantado na RMC

  1. FILIPPI

    Me pergunto toda vez que leio sobre estas noticias porque Brasília que tem um território de 5.801,937 km2 e população aproximada de 2.562.000 habitantes não é uma cidade de ponta! Toda tecnologia, toda novidade, estudos e parcerias com universidades se iniciam em SP e RIO. Porque aqui é tão difícil de se implantar grandes idéias? Quando seremos um exemplo para o BRASIL?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s