Arquivo do mês: dezembro 2012

Os aplausos vão-se embora. Os troféus ficam cheios de pó. Os vencedores são esquecidos.

A NOTA DE R$ 100,00

541835_468613276508426_2067316_nUm famoso palestrante começou um seminário numa sala com 200 pessoas, segurando uma nota de R$ 100,00.

Ele perguntou:

“Quem de vocês quer esta nota de R$ 100,00?”

Todos ergueram a mão…

Então ele disse:

“Darei esta nota a um de vocês esta noite, mas primeiro, deixem-me fazer isto…” Então, ele amassou totalmente a nota.
E perguntou outra vez: “Quem ainda quer esta nota?”
As mãos continuavam erguidas. E continuou: “E se eu fizer isso…” Deixou a nota cair no chão, começou a pisá-la e esfregá-la. Depois, pegou a nota, agora já imunda e amassada e perguntou: “E agora?” “Quem ainda vai querer esta nota de R$ 100,00?” Todas as mãos voltaram a se erguer. O palestrante voltou-se para a platéia e disse que lhes explicaria o seguinte: “Não importa o que eu faça com o dinheiro, vocês continuaram a querer esta nota, porque ela não perde o valor.

Esta situação também acontece conosco. Muitas vezes, em nossas vidas, somos amassados, pisoteados e ficamos nos sentindo sem importância. Mas não importa, jamais perderemos o nosso valor. Sujos ou limpos, amassados ou inteiros, magros ou gordos, altos ou baixos, nada disso importa! Nada disso altera a importância que temos. O preço de nossas vidas, não é pelo que aparentamos ser, mas pelo que fizemos e sabemos.”

Agora, reflita bem e procure em sua memória:
Nomeie as 5 pessoas mais ricas do mundo.
Nomeie as 5 últimas vencedoras do concurso de Miss Universo.
Nomeie 10 vencedores do prêmio Nobel.
Nomeie os 5 últimos vencedores do prêmio Oscar, como melhores atores ou atrizes.
Como vai? Mal, né? Difícil de lembrar? Não se preocupe. Ninguém de nós se lembra dos melhores de ontem.
Os aplausos vão-se embora. Os troféus ficam cheios de pó. Os vencedores são esquecidos.

Agora faça o seguinte:
Nomeie 3 professores que te ajudaram na tua verdadeira formação.
Nomeie 3 amigos que já te ajudaram nos momentos difíceis.
Pense em algumas pessoas que te fizeram sentir alguém especial.
Nomeie 5 pessoas com quem transcorres o teu tempo.
Como vai? Melhor, não é verdade?

As pessoas que marcam a nossa vida não são as que têm as melhores credenciais, com mais dinheiro, ou os melhores prêmios.
São aquelas que se preocupam conosco, que cuidam de nós, aquelas que, de algum modo, estão ao nosso lado.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexão

Adeus 2012, que venha 2013 – Ano de consolidação…

O ano de 2012 está encerrando. Foi um ano difícil, mas não poderia deixar de agradecer a Deus, a minha família e aos amigos das diversas áreas por todo carinho e toda força e energia dispensadas a mim durante o ano.

Instituto Grabriel Brilhante-3

Esse ano eu senti muita dor, muita saudade e fechei ciclos. Creio que eu tenha revisto muitas coisas. Passei a valorizar mais as pessoas e tudo aquilo que Deus me deu. Tive que aprender com o tempo a focar no que Ele me deu e não naquilo que perdi. Confesso que não é fácil.

Instituto Grabriel Brilhante-19

Durante quatro anos havia focado minha vida em me tornar uma grande influência (liderança) em nossa Corporação, ser uma referência em segurança pública no DF e tornar-me um homem público respeitado e influente, além de um grande orador, um grande comunicador. Não sei se tudo isso vale mais a pena. É possível que eu mude meu foco. A política já não me atrai como me atraia. Talvez seja porque tenho visto de perto como ela funciona. Cada dia mais percebo que sou técnico e não político…

Instituto Grabriel Brilhante-1

Meu foco agora é o Instituto Gabriel Brilhante. É como um filho que nasce. Como um filho precisa ser registrado, vacinado, alimentado, precisamos ensiná-lo a sentar, ensiná-lo a falar, a dar os primeiros passos. São várias a ideias e possíveis parcerias, teremos 2013 para desenvolvê-las e fortalecê-las.

Instituto Grabriel Brilhante-28

O lançamento do Instituto foi no dia 06 de dezembro, um ano após o sepultamento de Gabriel. Foi uma tentativa de nos liberar do luto. Lá tínhamos aproximadamente duzentos amigos que atenderam nosso convite feito pelo blog. Agradeço cada um. Amigos de todos os níveis. Cada um mais especial que o outro. A maioria me ajudou durante o ano com um abraço, um sorriso, uma palavra de incentivo.

convite IGB

Lá tive amigos representando cada fase da minha vida. Amigos do primário, amigos do ensino fundamental, do segundo grau, amigos da PMDF, em especial, do Terceiro Batalhão, do Proerd, da Diretoria de Pessoal, amigos da Especialização, amigos da Câmara Legislativa, ou seja, amigos de infância, da adolescência e da fase adulta.

Instituto Grabriel Brilhante-4

Também fiquei feliz com os amigos que hoje ocupam cargos de destaque no Governo. Dentre eles: o Dep. Professor Israel Batista, o Administrador do Riacho Fundo, Artur Nogueira, o Presidente do Fundo de Amparo a Pesquisa – FAP, Alexandre Gouveia,  da Secretaria de Ciência e Tecnologia, Dr. Luciano Pereira, atual procurador da FAP, Professora Ana Maria, Diretora do Cetelb, Professor Carlinhos do Instituto Amigos do Vôlei, o Professor e também policial militar, Diretor da Escola do Legislativo, Ricardo Moreira, Anderson Nakamura da ONU, dentre outros amigos que ocuparam cargos no governo e não estão mais, Márcio Eduardo Aquino, ex- subsecretário de Educação, Fátima Cabral, ex administradora do Riacho Fundo I, Márcio Pereira, ex subsecretário da Casa Militar,   Cristiane Simões da ouvidoria do Bombeiro, amigos ocupados que encontraram um espaço na agenda para prestigiar tal evento e me dar um abraço.

Instituto Grabriel Brilhante-21

Agradeço a cada amigo que doou uma hora do seu tempo para nos dar um abraço. Que Deus os abençoe. Agradeço em especial ao Ângelo, Daniel, Eudes Vieira, Daniele Viera, Edy, Milton, Dr, Luciano Pereira, Nelson, Renato e demais integrantes da equipe, pois sem vocês nada disso teria acontecido. Serei eternamente grato a vocês por tudo.

Instituto Grabriel Brilhante-30Feliz 2013, que Deus nos abençoe. Grande abraço a todos!

Instituto Grabriel Brilhante-33

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexão

Hierarquia e disciplina militar

Hoje encontrei uma revista “Polícia em Foco” do ano de 2008. Dei uma entrevista, onde falei sobre Hierarquia e disciplina militar. O título da matéria era: “Regulamento disciplinar do exército (RDE), aplicado à Polícia Militar do Distrito Federal desde 1988, cria discussões sobre normas ultrapassadas na corporação”. É interessante ler algo que falamos há tanto tempo e que deu rumo em minha militância na PM:

“Na percepção do soldado Aderivaldo Martins Cardoso, o RDE está ultrapassado. “A polícia tem 200 anos, já houve ditadura e redemocratização e as pessoas ainda não pensaram em mudanças. O nosso regulamento é focado em punições disciplinares cometidas dentro dos quartéis. Como fica lá fora a questão de observar a conduta do policial e a violência do policial?”, diz Cardoso.

O soldado afirma que a sociedade de hoje é diferente. Ela está se adaptando a nova realidade do Estado Democrático de Direito, que é focada na legalidade. “Se a sociedade e a ação policial são focadas na legalidade, então, temos duas coisas semelhantes. Quem legitima os nossos atos na rua? Quem considera certo ou errado, além da norma? A sociedade! A sociedade é quem vai dizer se o policial é violento ou não”, comenta.

Segundo Cardoso, o melhor caminho para o regulamento disciplinar da PMDF é quebrar paradigmas e recuperar a legitimidade perdida, quando estava sob do domínio do Exército.

“O primeiro passo é reforçar e reformular o código de deontologia – conjunto de deveres que impõe a certos profissionais o cumprimento da sua função. Hoje ele é muito voltado para os valores militares e nós precisamos reforçar nossa identidade policial. A partir do código deontológico, aí sim, cria-se um código de conduta policial, que trate da questão criminal, que é bem clara, e depois a questão disciplinar. Aliado a isso, cria-se o código de conduta nas ruas, como normas de abordagem etc”, explica Cardoso.”

Revista Polícia em Foco, Edição nº 05, julho/agosto de 2008, páginas 70 e 71, escrito por Vânia Ferreira.

Publicação sobre a entrevista aqui no blog em setembro de 2008:

https://aderivaldo23.wordpress.com/2008/09/04/hierarquia-e-disciplina-militar/

Aí nascia a ideia do conceito de DESMILITARIZAÇÃO CULTURAL…

pm-livro-jpg

 

Precisamos de um Código de Deontologia Policial, menos militar e mais policial, e um código de CondutaPolicial. Ao discorrer sobre esse tema durante a entrevista falei da necessidade de ser um CÓDIGO DE DEONTOLOGIA POLICIAL ÚNICO, pois o que se espera de um Policial Civil não é diferente do que se espera de um Policial Militar ou um Policial Federal. Seguindo a mesma lógica para o CÓDIGO DE ÉTICA POLICIAL.

Para se diminuir as divirgências entre as polícias no Brasil é necessário um grande esforço por parte do governo e das polícias. Um grande passo seria um tratamento isonômico dado às corporação. Esse passo poderia ser dado para uma unificação das condutas policiais no país. Sempre cito como exemplo o decreto que criou o código de deontologia na França, esse poderia ser o nosso modelo. Em breve o postarei aqui no site, assim que terminar de traduzí-lo. O decreto francês é simples e esclarecedor nesse sentido.

Fica a dica aos amigos blogueiros do país: Uma reestruturação real da polícia, iniciando por nossas condutas! (Desmilitarização cultural)

2 Comentários

Arquivado em desmilitarização das polícias

Dois mil livros Policiamento Inteligente espalhados pelo mundo

Encerro o ano de 2012 muito satisfeito. Profissionalmente foi um ano muito bom. Meu objetivo de tornar-me uma referência em segurança pública no DF tem sido alcançado a cada dia. Encerro o ano com 2 mil livros – Policiamento Inteligente – Uma análise dos postos comunitários no DF – espalhados pelo Brasil, Argentina, Panamá, Equador, Colômbia e Paraguai, pelo menos os lugares que sei. No Brasil chegou a várias autoridades do país. Esgotado. Não sobrou nenhum. Deus é fiel em minha vida sempre. Obrigado a todos os amigos que acreditaram e acreditam em meu potencial. Que 2013 seja melhor que 2012, assim como 2012 foi melhor que 2011. Que Deus continue nos abençoando!

Fiquei muito feliz ao encontrar o então candidato ao Governo do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, na Igreja Ministério da Fé. Entreguei a ele 10 exemplares e disse para usá-los como quisesse. Para minha surpresa em sua campanha para governador em 2010, o programa de governo na área de segurança era o nome do livro. Um grande presente de Deus. Agradeço ao Pastor Fadi Faraj e ao Pastor Luciano Gonzaga por me aproximar do futuro governador aquele dia. Uma oportunidade pode mudar nossas vidas. Precisamos abraçá-las. Somos resultado de nossas escolhas e das pessoas a nossa volta.

pm-livro-jpg

 

Veja o que o amigo Rafael Vianna, delegado no Paraná, escreveu sobre o Blog Policiamento Inteligente:

Viajei algumas vezes para Brasília este ano, às vezes para reuniões e outras para cursos. Em uma dessas vezes, conheci o Policial Militar do Distrito Federal Aderivaldo Cardoso, criador do blog Policiamento Inteligente.  Aderivaldo é um exemplo de boa vontade, inteligência, empenho e superação. Pensador da segurança pública e da nossa sociedade, tem uma visão excelente sobre como podemos e devemos resolver os problemas que nos atingem, sejam eles de ordem social, pessoal ou institucional. Formado em Arquivologia pela UNB, Policial Militar do DF desde 1.999, acadêmico de Direito na Universidade Católica de Brasília, Aderivaldo Cardoso também é escritor e autor do livro Policiamento Inteligente: uma análise dos postos comunitários no Distrito Federal(capa no início deste post). O seu blog Policiamento Inteligente é o reflexo de sua pessoa, pois trata de questões atuais e cruciais para melhorarmos as polícias, a administração pública e a sociedade. Recomendo que todos acessem e leiam o seu bloghttps://aderivaldo23.wordpress.com, pois assuntos importantíssimos são abordados, com textos que podem ampliar nossos conhecimentos sobre gestão, liderança, ferramentas administrativas, planejamento estratégico, mudanças, cultura organizacional, policiamento e segurança pública. O que mais gosto no blog é sua metodologia bem delineada e as lições que nos oferece sobre gestão e planejamento da mudança social.
Agradeço ao amigo Rafael Vianna por suas palavras. E indico seu blog e seus livros:
Capa Conjunta Livros 4

2 Comentários

Arquivado em polícia militar

Curso de Especialização Lato Sensu em Gestão Educacional

SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO E CAPACITAÇÃO
 
EDITAL DE SELEÇÃO Nº 03/2012.
Seleção de candidatos às vagas custeadas pela Secretaria de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal – SSPDF, no Curso de Especialização lato sensu Gestão Educacional, na modalidade presencial, promovido pela Universidade Católica de Brasília – (UCB), com início previsto para o primeiro semestre de 2013.
1. PREÂMBULO
1.1. O Secretário de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal, no uso de suas atribuições legais e representado, neste ato, pelo Subsecretário de Planejamento e Capacitação (SUSPLAC), da SSPDF, torna público e estabelece as normas do processo seletivo para o preenchimento de 46 (quarenta e seis) vagas no curso de especialização lato sensu Gestão Educacional promovi do pela Universidade Católica de Brasília – (UCB) e em conformidade com as exigências do Regulamento deste projeto.
1.1.1 As vagas do curso serão custeadas com recursos do Programa Nacional de Segurança Pública – PRONASCI, mediante o Convênio nº 759.564/2011, firmado entre a Secretaria Nacional de Segurança Pública – SENASP e a Secretaria de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal – SSPDF .
1.1.2 O Convênio tem por objetivo capacitar os profissionais da área de segurança pública, para atuarem na gestão escolar das instituições de ensino, tendo como referência as particularidades desse campo de atuação e atuais tendências educacionais.
1.1.3 Os alunos formados no curso assumirão o compromisso de multiplicarem os conhecimentos adquiridos, conforme planejamento apresentado pelo Executor do Convênio.
1.1.4 Os alunos formados no curso deverão estar aptos a atuar como gestores, ocupando funções tais como: Direção, Vice-Direção, Coordenação Pedagógica, Assessoramento e demais funções relacionadas à gestão escolar, nas Academias de Polícia e de Bombeiros, em equipes técnicas da Secretaria de Estado de Segurança Pública e em consultorias no campo educacional.
1.2 Informações sobre o curso e a seleção de candidatos podem ser obtidas na página eletrônica da Universidade Católica de Brasília – UCB: www.ucb.br e da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal: www.ssp.df.gov.br ou na Subsecretaria de Planejamento e Capacitação – SUSPLAC, localizada no do edifício sede da SSPDF, SAM, Conj. A, 3º andar, Brasília-DF.
2. DAS VAGAS
2.1. Serão 46 (quarenta e seis) vagas destinadas aos profissionais da segurança pública do Distrito Federal, assim distribuídas: 15 (quinze) para Policiais Militares, 15 (quinze) para Policiais Civis e 16 (dezesseis) para Bombeiros Militares.
2.1.1. As vagas para o curso de pós-graduação serão distribuídas entre os profissionais das instituições de segurança pública do DF, por ordem de classificação.
2.1.2. Não será permitido o trancamento de disciplinas ou bimestres letivos, ressalvados os casos previstos em lei.
2.1.3. Não serão cobradas taxas dos discentes para finalidades acadêmicas, sejam elas: a realização de processo seletivo, matrícula ou certificação.
2.1.4. As vagas serão distribuídas aos candidatos selecionados, que firmarem compromisso em produzir Trabalho de Conclusão de Curso – TCC, na linha de pesquisa de gestão educacional, nos seguintes eixos de interesse:
2.1.4.1 Gestão Educacional
2.1.4.2 Currículo (políticas e prática)
2.1.4.3 Avaliação da Educação
2.1.4.4 Política e Planejamento Educacional.
3. DA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO
3.1 Poderão inscrever-se no processo seletivo os policiais militares, policiais civis e bombeiros militares do Distrito Federal da ativa, portadores de diploma de curso superior reconhecido pelo MEC.
3.2 Somente poderão inscrever-se no processo seletivo os servidores de segurança pública acima descritos e que contarem com no mínimo 05 (cinco) anos de serviço ou e no máximo 25 (vinte e cinco) anos de serviço nas respectivas instituições.
3.3 As inscrições para o processo seletivo de candidatos aos cursos oferecidos para o primeiro período letivo de 2013 deverão ser efetuadas pessoalmente pelo interessado, ou por procurador devidamente constituído, nos dias e horários constantes do item 7, no seguinte endereço: SGAN 916, Campus II Módulo B – Pós Graduação Universidade Católica de Brasília – Asa Norte – Brasília – DF, tel: (61) 3447140/3447256 .
3.4 No ato da inscrição deverão ser entregues os seguintes documentos:
3.4.1 Formulário de inscrição, conforme anexo I;
3.4.2 Termo de compromisso, conforme anexo II;
3.4.3 Currículo, conforme modelo em anexo III;
3.4.4 Cópia dos Certificados ou Diplomas dos cursos declarados no currículo;
3.4.5 Cópia do Histórico Escolar do Curso de Graduação;
3.4.6 Cópia de Documento de Identidade Funcional com CPF;
3.4.7 Comprovante do tempo de serviço na instituição de segurança pública, caso não conste esta informação no documento de identidade funcional;
3.4.8 Certidão ou comprovante da experiência em docência ou cópia autenticada do ato de nomeação com instrutor/professor publicado no veículo de comunicação oficial da instituição, se for o caso;
3.4.9 Certidão ou comprovante como gestor na área educacional;
3.4.10 Comprovante de aprovação ou publicação de manual técnico, artigo científico, tese, dissertação ou monografia, se for o caso.
3.5 Toda documentação deverá ser apresentada em cópia autenticada ou cópia acompanhada do original.
3.6 Terão as inscrições homologadas pelo Presidente da Comissão de Seleção apenas os candidatos que apresentarem a documentação exigida dentro do prazo previsto no presente Edital.
4. DO PROCESSO DE SELEÇÃO
4.1 A seleção será realizada nas datas e horários que constam no item 7 deste edital.
4.2 A seleção constitui-se na classificação dos candidatos por avaliação de currículo.
4.3 As vagas previstas neste edital serão conferidas aos candidatos melhor classificados, observando os termos do item 2 deste edital.
4.4 Serão selecionados aqueles candidatos que, pela ordem decrescente de classificação, preencherem o número de vagas oferecidas.
4.5 Caso não haja aprovação dentro do número de vagas reservado para cada segmento profissional, as vagas serão oferecidas aos candidatos que alcançarem maior pontuação, seguindo a ordem de classificação.
4.6 Caso ocorram desistências de candidatos selecionados, poderão ser chamados a ocupar as vagas remanescentes outros candidatos aprovados, sendo respeitada a ordem decrescente de classificação de cada segmento profissional.

Deixe um comentário

Arquivado em Diversa